• slide2

    Há muito mais do que consultas e vacinas na Clínica Veterinária Bola de Pêlo!

     

    • Simpatia e ambiente familiar – Disponibilidade, interesse, dedicação e clareza no atendimento.

    • Profissionalismo e competência técnica – Sempre a mesma Equipa, experiente e formada pelas melhores escolas.

    Perto de Si – A 5 min de Sintra, Mem Martins, Rio de Mouro, Cacém e São Domingos de Rana.

    • Sem stress para si e para o seu animal – Sem trânsito e com estacionamento à porta da Clínica.

    • Fácil agendamento e pontualidade – Possibilidade de Marcação de Consulta para o próprio dia e reduzido tempo de espera.

    • Clínica Acreditada – Instalações modernas, espaçosas, limpas, climatizadas e sem odores.

2ª a 6ª Feira: 10:00h - 20:00h Sábado: 09:00h - 18:00h Telefone: 219 250 052 Email: info@boladepelo.pt
Estamos localizados a 2 min do Fórum Sintra, em Varge Mondar, na Rua Alexandre Giusti, nº11.
Conheça as Veterinárias e restante equipa da Clínica Veterinária Bola de Pêlo!
Formulário para marcação online da sua visita à nossa Clínica.
PUBLICAÇÕES RECENTES
Outubro 7, 2016

Se o Verão traz com ele o calor e mais tempo disponível, abrindo portas aos passeios e a mais actividade ao ar livre, quando o tempo arrefece refreamos os passeios, fechamo-nos mais em casa e procuramos o conforto do sofá e por vezes até, de certas comidinhas mais calóricas. Sem darmos por isso, reflectimos os nossos hábitos de vida também nos nossos animais e nem sempre nos apercebemos que eles também vão sofrendo variações de peso que, quando excessivas, podem ser alarmantes.

Junho 6, 2016

O linfoma é um dos tumores mais comuns do cão e resulta de um desenvolvimento neoplásico das células linfoides de órgãos como o fígado, o baço, os linfonodos ou a medula óssea. No entanto, como os linfócitos existem em qualquer tecido corporal, os linfomas também se poderão desenvolver em qualquer outro órgão corporal. Afectam normalmente animais de meia-idade ou cães idosos e algumas raças, como os Boxers, Rottweilers, Scottish terriers ou Golden Retrievers, têm uma maior predisposição para desenvolver a doença.

Maio 20, 2016

Os dados que existem actualmente indicam que, na União Europeia, cerca de 90% dos detentores de cães e gatos, tratou pelo menos uma vez durante o último ano o seu animal de companhia contra os parasitas externos. Contudo, apenas 70% realizou algum tratamento contra os parasitas internos, e além disso não o fez de forma regular (a maior parte das pessoas retém a ideia errada de que este tipo de parasitas só aparece nos meses de calor, pelo que não tratam os seus animais nas alturas mais frias do ano).