SIMBA – Um Caso de Obstrução Urinária

06/09/2013
Simba-ZN-685x514.jpg

Este é o Simba, um gatinho com apenas um mês. O dono trouxe-o à consulta porque o Simba não se aguentava em pé, desequilibrava-se e estava muito prostrado. Ao exame clínico apresentava hipotermia (36ºC), dor à palpação abdominal e aumento das frequências cardíaca e respiratória. O gatinho estava a ser alimentado a biberão e os donos faziam a estimulação da micção e da defecação, uma vez que a mãe não cuidava dele. Demos conta que a bexiga estava distendida, cheia de urina e que a região genital estava muito inflamada, constatando-se que a uretra estava completamente fechada por causa dessa mesma inflamação, impedindo o gatinho de urinar. Lavámos a região genital de forma a remover as secreções acumuladas e pressionámos a bexiga para forçar o seu esvaziamento, conseguindo desta forma desbloquear a uretra peniana.

O gatinho foi medicado com antibiótico e anti-inflamatório. Foi-lhe administrado soro subcutâneo e comida com seringa e foi colocado numa caminha aquecida. O facto de não urinar, além de lhe causar desconforto, provocava ainda um efeito tóxico no sistema nervoso por não haver excreção da ureia (um produto tóxico resultante do metabolismo, que é eliminado pela urina), sendo essa a causa da descoordenação. Ao final do dia já caminhava satisfeito, sem descoordenação motora, e recebia mimos com muita satisfação.

Como cuidados a ter em casa, para além da medicação prescrita, os donos deverão colocar uma pomada com vitamina A na região genital após cada estimulação de micção, de forma a promover a cicatrização e prevenir novos bloqueios da uretra.

Joana BritoFoto Dra. Joana Brito (Médica Veterinária)

Simba - Perineo 685x514

Inflamação da região genital do Simba, que o impedia de urinar


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos assinalados com * são obrigatórios


© Copyright 2008-2017 Bola de Pêlo, Lda (Todos os Conteúdos)

Powered by iFlexi OpenSite