EVA: Febre da Carraça

23/05/2013
Eva-febre-carraca.jpg

FEBRE DA CARRAÇA: porque é o tempo delas, já começaram a aparecer animais com aquilo a que genericamente chamamos Febre da Carraça. Nesta imagem vemos uma inclusão parasitária numa plaqueta (seta) mas, consoante as espécies, podemos encontrar inclusões parasitárias nos glóbulos vermelhos e nos glóbulos brancos. Os sintomas mais comuns são: febre alta, tremores, dor articular e/ou generalizada, falta de apetite e, com muita frequência, urina de cor escura (cor de vinho do Porto). No caso da nossa amiga Eva, uma cadelinha podenga a quem diz respeito a fotografia anexa, os sintomas eram vagos: febre baixa, falta de apetite e desequilíbrio. As doenças provocadas por hemoparasitas são transmitidas pelas pulgas e carraças e podem ser fatais, caso não sejam atempadamente diagnosticadas. Podem existir infecções mistas (em que se detecta a presença de mais do que um tipo de hemoparasitas) agravando ainda mais a situação. É por isso de extrema importância controlarmos a infestação por pulgas e carraças, por meio de pipetas ou coleiras repelentes e não deixarmos de examinar os nossos amigos peludos após passeios em zonas de mato ou ervas abundantes.

Joana BritoFoto Dra. Joana Brito (Médica Veterinária)


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos assinalados com * são obrigatórios


© Copyright 2008-2017 Bola de Pêlo, Lda (Todos os Conteúdos)

Powered by iFlexi OpenSite