4 Dicas para uma condição corporal saudável

3-Dicas-para-uma-condicao-corporal-saudavel-Imagem-de-destaque.jpg

07/10/2016

Se o Verão traz com ele o calor e mais tempo disponível, abrindo portas aos passeios e a mais actividade ao ar livre, quando o tempo arrefece refreamos os passeios, fechamo-nos mais em casa e procuramos o conforto do sofá e por vezes até, de certas comidinhas mais calóricas. Sem darmos por isso, reflectimos os nossos hábitos de vida também nos nossos animais e nem sempre nos apercebemos que eles também vão sofrendo variações de peso que, quando excessivas, podem ser alarmantes.

Crianca-e-animal-no-jardim-2-red.jpg

20/05/2016

Os dados que existem actualmente indicam que, na União Europeia, cerca de 90% dos detentores de cães e gatos, tratou pelo menos uma vez durante o último ano o seu animal de companhia contra os parasitas externos. Contudo, apenas 70% realizou algum tratamento contra os parasitas internos, e além disso não o fez de forma regular (a maior parte das pessoas retém a ideia errada de que este tipo de parasitas só aparece nos meses de calor, pelo que não tratam os seus animais nas alturas mais frias do ano).

Imagem-Newsletter-Novembro-2015.jpg

17/11/2015

O tempo mudou e o pêlo do seu animal também! A pele dos nossos animais de estimação reage às mudanças de estação, pelo que é normal eles renovarem a pelagem. O que seria de esperar era que essa renovação se desse mais ou menos duas vezes por ano (coincidindo com a Primavera e o Outono). Acontece que, ao colocarmos os animais dentro de casa e simularmos horas de dia (pela utilização de luz eléctrica), essa renovação pode não se fazer dessa forma tão marcada e sazonal, e ir-se dando ao longo do ano, havendo uma queda permanente do pêlo.

Gato-com-comida-humida-red.jpg

31/07/2015

A maioria dos donos de gatos com insuficiência renal depara-se com um problema que pode comprometer seriamente a recuperação dos seus animais, numa crise renal aguda, que é a falta de apetite. São animais que em geral já apresentam um apetite caprichoso porque há um aumento da concentração da Ureia no sangue que, por sua vez, tende a acumular-se nas mucosas gástricas e intestinal, provocando irritação e ulceração locais.

Animal-em-viagem.jpg

22/06/2015

Agora que já quase todos pensamos nas férias, e levamos connosco os nossos animais, convém pensar no nosso destino em termos de potencial foco de doença; há certas doenças que só existem em zonas endémicas ou cujo risco de serem contraídas é maior num sítio do que noutro, pelo que é importante saber se o nosso animal está bem protegido para enfrentar as mesmas ou, se necessita de alguma protecção extra. Tal como nós nos preparamos para enfrentar doenças como a Malária, também convém ter o mesmo tipo de atitude em relação aos nossos animais.

Ferias-vacine-o-seu-animal.jpg

21/05/2015

O seu animal encontra-se diariamente exposto a ameaças do exterior, a agentes víricos e bacterianos passíveis de causar doença. Desta forma é importante prestar-lhe os melhores cuidados de saúde visitando regularmente o médico veterinário. A consulta vacinal é, no nosso entender, uma visita fundamental que deve manter numa regularidade anual porque permite ao médico veterinário avaliar o estado de saúde do seu amigo de quatro patas. Esta consulta é mais do que uma injecção!

Kiko-4-red.jpg

14/03/2015

Sim, os cães e os gatos têm piolhos. São piolhos de espécie diferente daqueles que nos afectam, pelo que não são transmissíveis aos humanos, e são bem mais fáceis de tratar. Os piolhos que nos afectam são muito activos e mexem-se depressa; os dos cães e gatos são praticamente imóveis. Os piolhos que infestam o Homem gostam de cabelos limpos; já os que infestam cães e gatos preferem pêlo sujo. É por isso que não é comum ver animais saudáveis e bem cuidados com piolhos. Contudo, animais mal nutridos e negligenciados podem ser infestados.

Cao-e-gato-a-comerem-racao-imagem-de-destaque-red.jpg

01/10/2014

Sabia que uma nutrição apropriada é agora considerada o quinto sinal vital a ter em conta depois da temperatura, pulso, padrão respiratório e presença de dor para aferir o estado de saúde de um animal? E isto acontece porque dos três elementos que condicionam a vida de um animal (genética, ambiente e nutrição) a nutrição é o único que nós profissionais podemos manipular de forma a melhorarmos uma performance, prolongarmos a longevidade e gerir um estado de doença num animal.

Imagem-de-destaque-2-red-685x385.jpg

12/07/2014

Os coelhos são o terceiro animal de estimação mais popular em Portugal principalmente em lares que carecem de espaço físico ou disponibilidade de horários para acomodar um cão ou um gato. Contudo, apesar do seu pequeno tamanho, um coelho (anão ou de tamanho regular) é um animal que exige um grande nível de cuidado e de atenção por parte dos donos que não deve ser descuidado de forma a prolongar ao máximo o tempo de vida do animal e respectiva saúde.

Imagem-de-destaque-red-685x363.png

18/06/2014

Os cães podem ter pêlo longo, curto, duro e áspero, liso, sedoso, com dupla pelagem ou com características muito especiais. Cada tipo de pêlo exige manutenção e cuidados próprios, tanto ao nível da escovagem como do banho ou da remoção de nós. Para o ajudarmos a perceber que tipo de pêlo tem o seu melhor amigo e quais os cuidados que exige, deixamos-lhe aqui algumas dicas!

instruments4_685x458.jpg

05/06/2014

Esta é uma questão muito frequente e cuja resposta ainda envolve muitos mitos. Primeiro que tudo deve pensar se quererá algum dia ter descendentes do seu animal de estimação. Há que ter em conta que não sabe à partida quantas crias serão, talvez não possa ficar com todas, talvez tenha que arranjar dono para algumas?

Otites.jpg

02/06/2014

A inspecção visual e respectiva limpeza dos pavilhões auriculares dos nossos animais de estimação deve ser uma rotina semanal de forma a evitar a inflamação e infecção dos mesmos e de forma a detectar qualquer alteração evidente o mais rapidamente possível.

cao-agressivo-685x456.jpg

06/03/2014

Os cães podem, por vezes, exibir períodos súbitos de agressão sem que os seus donos percebam o porquê. Muitas vezes estes ataques podem ser despoletados por situações de dor não diagnosticada nem tratada. Neste âmbito, foi desenvolvido um estudo em Barcelona, que descreve as características desta irritabilidade e que pode tornar animais já de si conflituosos em animais agressivos ou violentos.

Castracao-gato-video.png

04/03/2014

O tema da esterilização de animais é por vezes controverso. Há donos que sentem alguma reserva em fazê-lo, por acharem que se trata de um processo complicado ou doloroso. Claro que a complexidade de cirurgia varia com o género e a espécie, sendo a castração dos gatos a mais simples de todas. De tal maneira que os animais acordam alguns minutos após a cirurgia e fazem a sua vida de forma perfeitamente normal.

Foto-FB-Boa-Tarde-2-rec.jpg

29/01/2014

No passado dia 28 de Janeiro de 2014, a Bola de Pêlo esteve no programa televisivo Boa Tarde, da SIC, representada pela nossa Veterinária Joana Brito e pela nossa amiga de 4 patas Miti. Se perdeu o programa, veja agora aqui as dicas de saúde animal deixadas!

child-training-dog-685x474.jpg

28/12/2013

Numa clínica nos EUA aconteceu uma trágica história, mas que é um exemplo marcante para a importância de utilizarmos técnicas seguras e não punitivas, na educação dos cães. Foi-lhes levado um Pastor Alemão com um ano de idade, que apresentava incoordenação motora e andamento em círculos.

dog_scan_500-red-685x474.jpg

20/12/2013

Investigadores da Emory University estão a usar a Ressonância Magnética para explorar a actividade cerebral de cães e revelar como a mente da espécie domesticada mais antiga do mundo funciona perante sinais dados pelo seu dono.

dog-pet-adoption-red.jpg

14/12/2013

Gosta de cães ou de gatos? Por certo até tem a sua raça preferida... De facto há raças espantosas tanto de cães como de gatos, cada uma com as suas características particulares, quer sejam em relação à beleza ou às aptidões e temperamento.

tosse-caes-red.jpg

20/11/2013

A Tosse do Canil é o nome genérico que se dá a uma infecção respiratória que afecta os cães. Trata-se de uma doença multifactorial, de origem bacteriana e viral que, embora benigna, é altamente contagiosa. No fundo, trata-se de uma traqueo-bronquite, semelhante às nossas constipações.

cao-a-comer-ervas-685x514.jpg

17/10/2013

Não é raro depararmo-nos com avisos colocados em postes telefónicos ou de electricidade, alertando para o facto de ter sido feita a aplicação de herbicida nos jardins e canteiros públicos, recomendando especial cuidado com crianças e animais.

ansiedade_separacao-685x457.jpg

10/10/2013

A ansiedade de separação é um distúrbio comportamental muito frequente em cães e levado muito a sério pelos seus donos, uma vez que pode ter grandes implicações na vida de ambos: um cão que destrói na ausência do dono vê-se fechado ou acorrentado sempre que fica só.

puppy-grass.jpg

05/09/2013

Muitos donos de cachorros deparam-se com recomendações contraditórias em relação ao momento em que podem/devem levar os seus cachorros à rua: o veterinário diz que só depois das vacinas; o criador diz que deve ir o quanto antes. Qual dos conselhos é o correcto, afinal?

Pulgas-cao-e-gato.jpg

24/08/2013

As pulgas são o parasita externo que mais afecta os cães e os gatos. Elas adoram calor e humidade e são atraídas pelo calor corporal dos animais. Dotadas de pernas muito fortes, são capazes de saltar de um animal para outro com enorme facilidade, especialmente quando muitos animais coabitam no mesmo espaço.

Gatinho-Primeiros-Cuidados.jpg

16/08/2013

PRIMEIROS CUIDADOS - 1. Quando vacinar e desparasitar? Em geral, a vacinação pode iniciar-se às oito semanas de idade, sendo necessária a repetição da vacina 3 a 4 semanas depois. A desparasitação interna pode ser feita antes ou a par da vacinação. Numa fase inicial, e dependendo do desparasitante utilizado, de 3 em 3 semanas.

Comportamento-red.jpg

14/08/2013

Por certo já assistiu a brincadeiras entre cachorros, em que estes rosnam, mordem-se e perseguem-se de forma desenfreada, quase violenta. Este é um comportamento perfeitamente normal e extremamente desejável para a correcta sociabilização de um cachorro.

Cachorro-Primeiros-Cuidados.jpg

08/08/2013

PRIMEIROS CUIDADOS - 1. Quando vacinar e desparasitar? Em geral, a vacinação pode iniciar-se às seis semanas de idade, sendo necessária a repetição da vacina 3 a 4 semanas depois. A desparasitação interna pode ser feita antes ou a par da vacinação. Numa fase inicial, e dependendo do desparasitante utilizado, de 3 em 3 semanas.

Ferias-Principais-Cuidados.jpg

20/07/2013

Se pretende levar os seus animais consigo nas férias, aqui ficam alguns conselhos para ter em conta: 1. Verifique se as vacinas dos seus animais estão em dia, caso contrário deverá vir fazer a sua actualização. Aproveite para nos pedir conselhos acerca de desparasitantes externos, idas à praia, frequência de banhos, etc. Também pode necessitar de um atestado médico para provar que o animal está em condições de fazer a viagem (para quem viaja de avião);

cao-correr-685x457.jpg

19/07/2013

Todos nós adoramos animais e queremos o melhor para eles. Aqui ficam alguns conselhos para manter o seu animal o mais saudável possível: 1. Controle o seu animal diariamente; veja se ele come, o aspecto das fezes, urina e pêlo bem como a actividade/disposição.

como-dar-comprimido-a-um-gato-685x418.png

17/07/2013

Se tem um gato, já se deve ter apercebido como é complicado fazê-los tomar um comprimido. Neste vídeo, a Dra. Joana Brito da Clínica Veterinária Bola de Pêlo explica passo a passo os cuidados a ter e a melhor técnica para o seu gatinho não rejeitar o medicamento.

Nina-Queimadura-Solar.jpg

10/07/2013

Apesar do pêlo dos animais ter uma grande capacidade isolante em relação aos factores ambientais, como o frio, o calor, o vento e o sol, é necessário tomar cuidado com os animais de pelagens claras, muito mais sensíveis ao sol.

Cortes-animais-estimacao-685x459.jpg

14/05/2013

Por certo já lhe aconteceu ver um ferimento no seu cão ou gato, resultante de um corte com um vidro, uma lata, um arame, etc... Por vezes a ferida tem um aspecto medonho, parece sangrar bastante e parece-lhe bastante grave.

efusao-pleural.jpg

19/07/2012

Esta situação, que se define por uma acumulação de líquido no espaço pleural, pode resultar de várias situações sendo as mais comuns: trauma, neoplasias ou doenças infectocontagiosas.

cao-a-cocar-685x518.jpg

30/05/2012

Com a chegada do calor, na Primavera e no Verão, muitas vezes vemos os animais desesperados com comichão. Procuramos atentamente por qualquer vestígio de pulgas ou carraças e nada... Os cães e os gatos podem ter prurido sem terem, forçosamente, parasitas externos.

DogStandingOnScale.jpg

28/04/2012

Nos dias de hoje, os nossos animais de companhia sofrem dos mesmos males que nós, uma vez que condicionamos a sua vida aos nossos próprios hábitos diários. Assim um dono sedentário, que não faz qualquer tipo de actividade física e não tem disciplina alimentar, tem tendência a criar um animal preguiçoso, pouco activo e comilão.

ticks-on-dogs-red.jpg

13/04/2012

As carraças são talvez o tipo de parasitas mais temido e odiado por todos aqueles que têm cães e gatos. Além de, por si só, poderem causar anemias nos animais que parasitam, visto alimentarem-se de sangue, podem também transmitir outros parasitas responsáveis pela tão temida "Febre da Carraça".

labrador.jpg

21/03/2012

Já disponível no mercado um teste sanguíneo que permite prever a probabilidade de um cachorro desta raça vir a desenvolver Displasia da Anca. A análise tem o nome de Dysgen e baseia-se num estudo genético em que foram identificados marcadores genéticos que estão presentes em cães que sofrem de displasia da anca.

racao.jpg

15/03/2012

Hoje em dia, temos à disposição variadíssimas marcas de comida para animais, aos mais variados preços, com imagens apelativas de animais saudáveis e activos, mas como será de facto a sua qualidade?

av-med-vet-11-03.2012.jpg

11/03/2012

Terapêutica com plaquetas no tratamento da osteoartrite. Investigadores americanos fizeram um estudo em que testaram a administração intra-articular de centrifugado de plaquetas em cães, sendo que as plaquetas transfundidas eram dos próprios cães que as recebiam.

castracao-685x688.jpg

28/02/2012

Muitas pessoas debatem-se com a dúvida de esterilizarem ou não os seus animais. E as opiniões dividem-se entre o receio dos animais virem a reproduzir-se e o sentimento de culpa de estarem a interferir com uma condição natural, inerente ao animal.

Osteoartrite.jpg

14/02/2012

A cartilagem e o líquido sinovial protegem os ossos do desgaste articular, permitindo realizar movimentos suaves e absorver o choque proveniente dos impactos resultantes do movimento.

Ciclo-de-vida_leishmaniose.jpg

11/02/2012

A leishmaniose canina é causada por um parasita – a Leishmania – transmitido através da picada do flebótomo, um insecto erradamente confundido com o mosquito. Pode afectar vários animais, incluindo os humanos, e é potencialmente fatal para os cães.

lagarta-pinheiro.jpg

06/02/2012

Sabe o que é? Este nome pode não lhe ser familiar, mas já deve ter ouvido falar das "Lagartas do Pinheiro". Estas lagartas são, na verdade, parasitas dos pinheiros e devem o seu nome ao facto de, quando caem ao chão, andarem em carreiros, umas atrás das outras, movendo-se por baixo da areia dos pinhais.

dirofilariose-esquema.jpg

21/01/2012

Sabe o que é a DIROFILARIOSE? É uma doença parasitária que afecta maioritariamente os cães, embora também possa afectar gatos. É uma doença transmitida por um mosquito que, quando pica o animal lhe transmite as formas larvares do parasita (do género das lombrigas).

vacine.jpg

10/01/2012

O seu animal tem as vacinas em dia? Sabia que pelo facto do seu animal estar sempre em casa e não contactar com outros animais, essa condição não é suficiente para lhe conferir protecção contra doenças infecto-contagiosas?

gato-beber-agua.jpg

13/12/2011

O seu gato tem mais de 8 anos? Saiba que é a partir desta idade que estes animais têm grande probabilidade de desenvolver Doença Renal Crónica.

puppy-vaccination-685x465.jpg

06/09/2011

Existem variadíssimos esquemas de vacinação, dependendo da preferência do médico veterinário. Contudo, regra geral, um cachorro pode ser vacinado a partir das seis semanas de idade. As vacinas consideradas essenciais para um cão são: 1. Parvovirose; 2. Esgana; 3. Leptospirose; 4. Hepatite; 5. Raiva.

cao-acupuntura-685x457.png

19/09/2010

Como funciona? De uma forma muito simplificada, a Acupunctura consiste na aplicação de agulhas (muito finas e flexíveis) em pontos corporais específicos, de forma a controlar dor muscular e osteo-articular, problemas neurológicos, respiratórios, endócrinos, imunitários, etc.

bronquite-asma-felina.jpg

16/01/2010

As vias respiratórias dos gatos são muito mais reactivas, propícias à ocorrência de broncoconstrição, do que as dos cães. Na maior parte dos casos o processo é idiopático porque não se consegue determinar uma causa para o início de uma crise asmática.

pif-685x460.jpg

27/10/2009

É uma Peritonite Infecciosa Felina que se pensa ser provocada por um coronavírus. Um dos maiores problemas em diagnosticar uma situação de PIF deve-se ao facto do espectro de sinais clínicos ser tão vasto.

primeiros-cuidados-685x518.jpg

23/03/2009

Chegou a casa um novo amigo! E agora? Quais os cuidados a ter? Bom, antes de mais, qualquer que tenha sido a sua escolha, de certeza que foi ponderada com base no seu estilo de vida, horários, empatia com a espécie escolhida, etc. (ver artigo "Que Animal Devo Escolher?").

que-animal-devo-escolher-685x316.jpg

03/03/2009

Se há pessoas que têm preferências bem definidas em relação ao animal de estimação que pretendem ter, outras há que têm muito mais dúvidas, seja porque pura e simplesmente não têm preferência, ou porque ponderam vantagens e desvantagens relativas a cada espécie.

© Copyright 2008-2017 Bola de Pêlo, Lda (Todos os Conteúdos)

Powered by iFlexi OpenSite